Cultura Liquida de fungos, saiba o que é e como preparar a sua

 Em Artigos Enteógenos, Dicas de Cultivo

Antes de aprendermos como preparar uma cultura líquida (CL) de maneira rápida, eficiente e em nossa própria casa, vamos entender o que é essa tal de CL.

O que é cultura líquida de fungos?

A cultura líquida nada mais é do que um meio que contém açúcares e minerais diluídos em quantidades balanceadas na água. Simples assim. Esse meio nutritivo pro fungo, quando esterilizado, vai possibilitar que o mesmo consuma ali os carboidratos como fonte de energia e consequentemente acabe se expandindo. Como resultado disso, teremos basicamente um líquido onde vamos deixá-lo cheio de micélio dentro. Aprender a elaborar uma boa cultura líquida é uma tarefa fácil e que ao ser dominada vai ser como um hack no seu cultivo, pois permitirá que você fabrique suas próprias seringas de micélio, nas quantidades que você quiser.

Realizando inoculação com cultura líquida

Realizar as inoculações de seu cultivo é muito mais interessante ser feita através do uso de uma cultura líquida. Explicaremos o porquê utilizando os grãos como exemplo: ao inocularmos nosso grão com esporos o mesmo ainda precisa germinar (o que leva alguns dias) para dar início à formação do micélio e somente então iniciar a colonização do substrato onde ele foi inserido. Já quando utilizamos uma seringa de cultura líquida, inocularemos o micélio diretamente, pronto para começar o processo de colonização em nosso grão hidratado.

Receitas básicas de cultura líquida

Criar um meio líquido para seu fungo se desenvolver não é algo difícil. Você pode realizar essa tarefa com o auxílio dos ingredientes mais comuns em praticamente qualquer casa, como o mel ou o melaço de cana, como também é possível desenvolver em casa o clássico caldo de batata com dextrose. Utilizar somente açúcares puros como a dextrose ou a glucose funciona, mas não fornece o meio propício para um ótimo desenvolvimento por faltar elementos adicionais em sua constituição, portanto deve ser evitado. Meios que contenham acima de 4% de açúcares podem vir a ser prejudiciais ao desenvolvimento do micélio.

Vamos conferir algumas receitas básicas de cultura líquida:

  1. Mel ou melaço
  • Adicionar 20 g para cada 0,5 L de água.
  • Esterilizar por 25 minutos em panela de pressão.
  1. Caldo de batata – dextrose
  • Essa é uma das receitas mais utilizadas no mundo da microbiologia para crescimento de fungos.
  • Ferva 200 gramas de batatas descascadas em 500 ml de água por 30 minutos.
  • Coe o caldo em um filtro feito com dupla camada de gaze ou com algum outro filtro de pano limpo. Não utilize coador de café de pano que já foi utilizado porque ali tem compostos provenientes do café.
  • Em outro recipiente volumétrico, coloque 500 ml de água e adicione 20 g dextrose
  • Adicione o caldo de batatas a esses 500 ml de água com dextrose e complete o volume para 1000 ml.
  • Esterilize em panela de pressão por 25 minutos.

 

Viu como é fácil preparar uma cultura líquida em casa? Apesar de receitas caseiras, essas formulações são extremamente eficientes. Em breve, vamos ir um pouco mais a fundo no mundo das culturas líquidas para dar uma turbinada no seu cultivo!

Desejamos um bom cultivo para vocês!

Showing 3 comments
  • Alberto
    Responder

    Muito obrigado pela receita, vou tentar fazer
    Obrigada 👏

  • Walmi Weiler
    Responder

    agradeco a atençao,muito obrigado,vou fazer.

Deixe um Comentário

Start typing and press Enter to search